Arena GURPS

Fórum sobre GURPS e RPG.
 
InícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Cavete tis quos natura signavit

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4  Seguinte
AutorMensagem
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-24, 07:39

A caminhada até aqui está escassa de respostas, em alguns momentos até de significado.

Apesar de ter desperto sua percepção para os segredos ocultos do mundo sua mente destreinada o guiou até agora a empreitadas que não lograram êxito.

Tudo o que você sabe da Ordem é que nela estão você e o Mestre Obério, sem qualquer nenhuma noção de propósito e causa.

Dias após dias são de trabalho braçal de zelador, pedreiro, eletricista e outros serviços gerais em igrejas distantes umas das outras onde você mantém um voto de silêncio para todos que não seu mestre. Estes dias são seguidos por treinos de luta nos salões paroquiais que vão minando mais e mais sua disposição.

Só que uma constatação começou a preocupá-lo. Não importa que distância você vá um mesmo homem se frequenta todos os templos por onde você passa. Uma presença fugaz, porém não ameaçadora, que usualmente é vista nos cantos de sua visão periférica. Isso fez que dias se transcorressem até você percebesse-o de fato e ainda mais dias para formar uma imagem mental fidedigna para constatar o fato.

Enquanto você pinta a faixada da capela do Hospital Geral de Bonsucesso, as 18h, a pessoa que você sempre avista adentra junto com outros para a oração do terço.

O que você faz? (lembre-se do voto temporário de silêncio)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-24, 14:17

Por enquanto, vou continuar com o serviço enquanto ele estiver ao alcance de minha visão. Se perdê-lo de vista, dou uma pausa no serviço a qualquer pretexto, como ir tomar água ou ir ao banheiro e só o observo, se ele cumpre o ritual na hora de entrar na igreja, se saúda o Santíssimo, se participa da oração ou o que ele faz. Em todo caso, se sentir que tudo está seguro, depois volto ao serviço e tento terminar para continuar a observar o estranho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-24, 20:47

O cara fica na porta como se procurasse alguém, ninguém interage com ele. Quando todos entram para as orações ele faz a genuflexão e entra também.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-25, 00:42

Se for possível continuar o serviço mantendo o estranho em minha vista, faço isso. Não sendo possível, continuo o que estou fazendo dando pequenas olhadas mais para ver onde ele se senta e o que está fazendo e tento terminar o serviço sem demora, mas bem feito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-25, 00:49

Por a capela ser pequena e ter muita gente ele vai entrando e se misturando a multidão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-25, 14:09

Novamente, por qualquer pretexto, dou uma pausa rápida no serviço para dar uma entrada e ficar mais de olho nele, se ele vai sentar e participar da reza ou se dirige para outro lugar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-26, 13:12

Está tudo bem lotado, a capela é pequena e está além da capacidade. Ele foi furando a multidão e entrando até ser engolido por ela.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-26, 20:02

Se estiver faltando pouco, trato de terminar o serviço para ficar livre e procurar o distinto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-26, 21:39

Antes que você voltasse acontece um tumultuo. Pessoas gritam "AFASTA, AFASTA" enquanto uma mulher se debate no chão balbuciando palavras estranhas. Uns correm por ajuda no hospital, outros ajoelham e exclamam louvores.

Na dispersão que se formou não deu mais pra ver o cara.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-26, 22:59

Vou correndo até lá para ver o que está acontecendo e se for o caso, dar alguma ajuda. Caso o pároco esteja por lá e saiba quem e o que sou e o que posso fazer, me posiciono perto dele, tanto como proteção como para ajudar no que for preciso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-26, 23:27

Não tem pároco. Tem um diácono que estava "puxando" as orações tentando apaziguar o pessoal, quando ele percebe que você chegou por lá ele cochicha pra você ligar pro Obério.

[Lembrando que o voto de silêncio não inclui seu mestre]

[Tem um ramal na sacristia que você pode usar]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-03-27, 01:29

Na mesma hora apenas sinalizo para ele que qualquer coisa é para me chamar e corro para o ramal ligar para Obério e contar o que está acontecendo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-04-02, 13:25

Obério (ao telefone) escreveu:
Graça e paz! Em que posso ser útil?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-04-05, 09:48

Começo a dizer a ele:

- Aqui é Dom Séridis. Perdoe por ter quebrado o voto neste momento, mas é uma emergência. Aconteceu algo estranho aqui na igreja e há uma mulher esperneando e falando umas palavras estranhas. E como sabemos, se for caso de possessão, preciso falar para poder repreender o demônio.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-04-17, 11:08

Obério escreveu:
Meu rapaz, você não se sente seguro para identificar os sinais de possessão?

Em todo caso peça que os demais se retirem, deve haver água benta nesse aposento dentro do filtro de barro, dê de beber a pessoa.

Vá até o Sacrário e o cubra sua porta com o estandarte da Ordem que deve estar entre seus pertences.

- Tem uma Flâmula grande em uma mala que você sempre carrega.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-04-20, 01:38

Respondo para ele:

- Bom, nunca fiz isso antes, mas me sinto cem por cento seguro de poder expulsar qualquer tipo de ser demoníaco que estiver por aqui e lidar com qualquer tipo de ameaça. O problema maior era ter que fazer tudo isso sem quebrar o voto de silêncio, principalmente sem o padre aqui para me liberar. Caso esteja liberado ao menos "ad hoc", tomarei as providências.

Dependendo da resposta dele, já começo a tomar as providências, indo buscar a água benta e tudo mais que ele instruiu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-02, 15:10

Obério escreveu:
A insegurança não será sua amiga caso a situação exija um enfrentamento destes. 

Apazigue os ânimos e tente manter a pessoa aí sem forçá-la, se precisar siga-a ao longe. Mando alguém próximo até aí.

Ah! Seu silêncio não se faz mais necessário. 

Logo após dizer isso você já pode ouvir o sinal de que a ligação foi desligada por ele.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-02, 16:35

Penso comigo: "era tudo que precisava ouvir", quando escuto a última frase.

Corro para pegar a fâmula, coloco da forma que fui instruído e em seguida, a água benta em um copo e então parto para ajudar a mulher.

Chego então perto da pessoa que teve o "ataque" levando comigo também o diácono se estiver lá e então peço para que todos se afastem.

- Por favor, deem espaço, ela será cuidada. Pediria a gentileza que todos esperassem lá fora, o socorro já está a caminho. O Diácono vai acompanhá-los.

Então verifico primeiro se ela fala em um idioma conhecido por mim e se apresenta algum ou alguns dos sinais típicos de possessão, enquanto dou a ela a água benta para beber.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-02, 18:26

O rapaz organiza a multidão com bastante paciência e os conduz para fora.

A moça está menos aturdida mas continua a repetir umas coisas incognoscível enquanto lacrimeja profusamente com os olhos arregalados a olhar de forma frenética de um lado pro outro.

Ela está com um rosário nas mãos apertando-o num movimento típico de quem está orando e com o polegar direito autuando uma das contas
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-02, 22:17

Enquanto continuo a oferecer a água para ela, vou perguntando, enquanto tento erguê-la:

- Está se sentindo melhor, pode me dizer o que aconteceu? Tome, beba um pouco de água para melhorar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-02, 23:05

A sua fala faz com que as repetições dele cessem,  ela passa a soluçar e suspirar meio de alívio meio de choque, pega o copo d'água de suas mãos e toma tudo com golpadas longas e vigorosas.

[Aquela água benta também é água potável e fresca]

Ela respira arfando e devolve o copo pra você, parece estar querendo mais mas não está conseguindo falar
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-03, 22:25

Tento confirmar com ela:

- Quer mais água? 

Se ela sinalizar que sim com a cabeça ou outro gesto que seja, vou buscar mais água do filtro o mais rápido que puder. Se o diácomo olhar para mim, também faço um gesto para que ele fique de olho nela enquanto eu estiver afastado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-03, 22:32

Ela fez que sim com a cabeça e quando você encarou o diácono ele correu pra sacristia

[Deve ter entendido que era pra ele pegar a água]

No que ele entrou lá alguém bateu os portões da capela, dava pra ver alguém parado do outro lado dos portões de ferro. Os portões são todos de ferro só na metade de baixo, na de cima é um gradeado tampado por um vidro canelado, quem bateu está de pé esperando.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Arabedoido77

avatar

Mensagens : 810
Data de inscrição : 04/04/2013

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-04, 00:07

Peço para a mulher esperar, falando gentilmente:

- O diácono já trará mais água, só aguardar. Qualquer coisa que precisar, estou á disposição.

Então, vou me aproximando da entrada e tentando perceber se é o homem que chamou minha atenção ou se é outra pessoa.

Qualquer que seja o resultado, vou me aproximando andando devagar para ganhar tempo e dizendo:

- Pois não, em que posso ajudar?

Se for preciso, adiantando um teste de percepção 12.

Arabedoido77 efetuou 3 lançamento(s) de dados D6 (Imagem não informada.) :
6 , 5 , 4
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dann Beta

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 10/11/2013
Idade : 32

MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   2016-09-04, 00:33

Você vê um homem de idade avançada e porte austero. Ele está usando uma camisa aberta preta raptada aberta, uma camiseta regata, uma boina xadrez, um óculos fixado num cordão, e uma bermuda de brim.

Velho escreveu:
Boa tarde!

As pessoas estão assustadas aqui. Aconteceu alguma coisa? Tem alguém passando mau?

Eu posso ajudar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Cavete tis quos natura signavit   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cavete tis quos natura signavit
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 4Ir à página : 1, 2, 3, 4  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [Feminino] Quarto 2 - Sakura e Lohanne

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Arena GURPS  :: Play By Forum :: Jogos em pausa/Terminados :: Alvorada Voraz :: Jogo-
Ir para: